20 hábitos para ter uma vida saudável

20 hábitos para ter uma vida saudável

Comer bem, ter rotinas para o seu tempo livre e não negligenciar qualquer detalhe permitirá que você se sinta melhor. E não negligenciar nenhum detalhe permitirá que você se sinta melhor.

20 hábitos para ter uma vida saudável
Entre os latino-americanos, cerca de 66% têm que comer fora de casa, devido a compromissos de trabalho ou estudo e, portanto, são forçados a transformar o cardápio diário em um exemplo de má nutrição, segundo a Organização Mundial. de saúde. Esta informação não deve ser tomada de ânimo leve, porque a má nutrição pode causar problemas de saúde. De fato, de acordo com o mesmo estudo, 50% das pessoas que sofrem de pressão alta, diabetes, problemas cardíacos e gastrite desenvolveram essas doenças devido a maus hábitos alimentares, sedentarismo e estresse emocional. Para evitar que você caia neste grupo, a Dinero apresenta os 20 hábitos para levar uma vida saudável, que foram selecionados com o conselho de médicos, nutricionistas e treinadores físicos.

I. Alimentos

Existem todos os tipos de dietas, algumas boas e outras ruins. E você tem o poder de decidir qual caminho seguir. A chave é saber como comer uma dieta equilibrada.

1. Tenha uma dieta variada

A proporção de diferentes alimentos na dieta fará com que esse conjunto seja mais ou menos saudável. Você deve tentar misturar os grupos de alimentos (frutas, legumes, cereais, carboidratos, proteínas e gorduras) preservando e não eliminando nenhum. Além disso, a prioridade deve ser para proteínas, frutas, vegetais e cereais, e não para carboidratos e gorduras.

2. Coma vegetais

Legumes fornecem vitaminas, minerais e fibras. Recomenda-se consumir vegetais à tarde e à noite. Um bom hábito alimentar é começar as refeições com alimentos crus. Aumentar o consumo de fibras na dieta previne o colesterol alto, problemas de cólon e constipação. Prefira saladas frescas aos cozidos.

3. Moderar o consumo de carne e peixe

A ingestão diária de proteína necessária para uma dieta equilibrada não deve exceder 15% da ingestão total de energia. Carne e peixe não são as únicas fontes de proteína. O equilíbrio pode ser obtido a partir das proteínas das leguminosas (soja, lentilhas, grão de bico); produtos lácteos (queijos frescos, iogurte); ovos (com moderação) e nozes (amêndoas, avelãs, nozes).

4. Inclua o ovo

A proteína do ovo tem uma excelente composição em termos de aminoácidos essenciais, bem como uma boa digestibilidade. Na verdade, o ovo contém quase todos os nutrientes essenciais para os seres humanos (serve para a manutenção da função ocular, proteção da pele, membranas celulares, neurônios e metabolismo). Uma pessoa com boa saúde pode consumir um ovo por dia.

5. Apenas ponto de sal

Para obter uma redução de sal nas refeições, as ervas aromáticas usadas nas saladas e vegetais, ou o suco de limão são de grande ajuda. Outro recurso é cozinhar os legumes com muito pouca água ou vapor. Assim, eles preservam seu sabor e seus sais minerais. Se você usa sal, o sal marinho natural é preferível, porque fornece magnésio que regula o metabolismo e é importante no processo de formação óssea.

6. Não coma depois de horas

Todas as doenças têm um componente metabólico, portanto, são suscetíveis a modificações benéficas ou prejudiciais por meio de manipulações alimentares e nutricionais. Uma dieta normal para um adulto é de cerca de 2.000 calorias por dia. O lógico é distribuí-los nas três refeições diárias, variando a dieta e comendo entre as refeições alimentos saudáveis ​​(iogurte, queijo, biscoitos de fibra, cereais, frutas). O jantar não deve ser inferior a 25% desse consumo diário (500 calorias) e deve ser feito sempre.

7. Consumir vitaminas e minerais com moderação

Leia também: Womax gel lipo funciona

As necessidades de vitaminas e minerais, presentes na maioria dos alimentos, variam de acordo com o indivíduo. Estes servem como antioxidantes, para fortalecer os músculos, para o cabelo e até para manter um bom humor. O cálcio, por exemplo, previne artrite, pressão alta e câncer de cólon, entre outros. No entanto, vitaminas como A, D, E e K se acumulam no corpo e não são facilmente eliminadas, o que pode até mesmo causar constipação. Seu uso como medicamento é justificado, sob supervisão médica, se a pessoa sofre de alguma doença ou não possui nenhum desses nutrientes.

II. Atividades

Na pesquisa sobre nutrição na Colômbia, o ICBF mostrou que os colombianos preferem a televisão e os videogames aos esportes. Embora os executivos modernos trabalhem o dia todo, eles precisam dedicar mais tempo às atividades físicas e às suas famílias.

8. Organize seu tempo

Priorize suas atividades e encomende em uma agenda o que

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *